Notícias

Autorização para transferências bancárias pelo WhatsApp inaugura nova jornada para pagamentos que poderá turbinar o Pix

Autorização para transferências bancárias pelo WhatsApp inaugura nova jornada para pagamentos que poderá turbinar o Pix 15 ABRIL

Por eliminar a necessidade de o usuário entrar no ambiente do seu banco, o aplicativo teria o potencial de tornar o pagamento instantâneo (Pix) ainda mais presente na vida do brasileiro

 

Ao conceder a autorização ao WhatsApp para realização de transferências de recursos entre seus usuários como um iniciador de transações de pagamento, utilizando-se – neste início – dos arranjos de pagamento da Visa e Mastercard, o Banco Central (BC) abre caminho para que o aplicativo, em breve, também possa incluir outras funcionalidades relacionadas a pagamentos, como a conexão com o Pix, o que pode tornar o pagamento instantâneo ainda mais popular e presente na vida dos brasileiros.

Para que o WhatsApp possa ser utilizado na transferência de valores, a conta do aplicativo deverá estar vinculada a um banco ou uma fintech, que já ofereçam uma conta transacional ao usuário. Além disso, será necessário o cadastramento dos cartões que movimentam tais contas para que a transação seja efetivada.

Os arranjos da Visa e Mastercard, aprovados na mesma data que o WhatsApp, são quem, de fato, possibilitarão que a movimentação ocorra de forma equivalente a uma transação de pagamento por cartão de débito, crédito ou pré-pago. Futuramente, é muito provável que a aplicação também esteja conectada ao Pix, que por conceito não necessitará das bandeiras para efetivação da transação.

 

Fonte Governo do Brasil